Traductor

sábado, 27 de março de 2010

Leitão à bairrada




Um leitãozinho assado no forno ia mesmo a calhar nesta páscoa, pois esta e a minha sugestão. Mesmo não tendo um forno a lenha. Este também é um dos pratos que se usa muito la pelas Gafanhas nas festas, assim como a Chanfana. Não digam que não da, pois eu tentei e vejam o resultado, a foto de baixo e de um leitão assado aqui no meu forno elétrico na passagem de ano. Tive que o cortar em duas partes ao alto e depois ao meio para poder assar, assei metade de cada vez. " Tava uma delicia " A outra que esta por cima foi assado na Gafanha no meu forno a lenha, portanto a que tentar e verão que vale a pena.


Ingredientes
1 leitão limpo ( cortado ao alto e ao meio )

150 gramas de toucinho branco triturado ( sem pele )

2 cabeças de alho

100 gramas de pimenta branca

50 garmas de pimenta preta

100 gramas de sal grosso

vinho branco que baste

Preparação
Amasse os alhos sem casca junto com o sal, misture com o resto dos ingredientes até formar uma pasta ( utilize o vinho branco para a deixar mais branda ). Num tabuleiro barre a parte de baixo com banha e ponho o leitão ( uma ou duas partes ) com a pele virado para baixo e por cima espalhe a pasta dos temperos, vai ao forno assar durante uma hora + ou -, findo este tempo víreo com a pele para cima e pincele com o molho que formou, deixe mais 1/2 hora + ou - até alourar ( se tiver grill com ventilação utilize esta função ). Retire do forno e limpe o molho ( guarde o molho pois pode servir para temperar vários tipos de carne ) e ponha na travessa de servir, sirva com batatas fritas e laranjas as rodelas.


Bom Apetite

Obs: Uma das 7 maravilhas da gastronomia portuguesa

Chanfana


Prato tipico da Bairrada. muito usado nas Gafanhas pelas altura das festas. É um prato feito com carne de cabra velha ( não pode ter menos de um ano e meio ) que fica de molho em vinho tinto. pode-se usar qualquer parte da cabra. mas e preferível usar a da pá. em media são 200 gramas de carne por pessoa. Este prato normalmente se faz num forno a lenha, mas não tendo um forno convencional elétrico também fica muito bom. O sabor não tem nada a ver mas vale a pena. Não esquecer que o vinho tem que ser de boa qualidade para obter um bom resultado.

Ingredientes
1 perna de cabra 

1 cebola grande

3 colheres (das de sopa ) de banha

1 colher ( das de chá ) de colorau

1 boa golpada de azeite

1 ramo de salsa

1 cabeça de alho

2 tomates bem maduros

6 cravinhos

3 folhas de louro

vinho tinto que baste

sal e pimenta a gosto

Preparação
Corta-se a carne aos pedaços. que se põem a marinar num tacho de barro com o vinho, os alhos esmagados, a pimenta ( deve ficar um pouco apimentado ), o cravinho, o louro, o colorau e o sal durante 24 horas. Na altura de ir ao forno ( no mesmo recipiente que marinou ), acrescentar o ramo de salsa, o azeite, a banha e a cebola e os tomates picados. Vai ao forno tapado durante 1 hora e 1/2, ao fim deste tempo retira-se, retifica-se os temperos, volta ao forno destapado ( sendo um forno elétrico ponha a meia temperatura para que não seque muito ) durante 3 ou 4 horas para ficar bem apurada e perder o paladar ao vinho. Serve-se com batatas cozidas.

Bom Apetite

sábado, 20 de março de 2010

Folar da Páscoa


Pois e amigos la vai o tempo em que as madrinhas dava como prenda aos afilhados o folar, e segundo o que sei teria que ter tantos ovos em cima como a idade do afilhado. Claro que as coisas mudaram e nas gafanhas onde isto era uma tradição, hoje em dia muito poucas pessoas o fazem, já pouca gente ascende o forno de lenha, as prendas são outras e é pena que esta tradição se vai perdendo. Por esta altura do ano era quando mais se ascendia os fornos, mais ainda na semana santa. A pedido de algumas pessoas que vão ao meu blog, pediram-me se eu sabia fazer folar da Páscoa. Aqui esta a minha receita, poderá ser igual muitas ou um pouco diferente, pois a muitas maneiras de fazer, mas uma coisa vos digo nada melhor que feito num forno a lenha.

Ingredientes
1 kg de farinha de trigo
200 gramas de margarina
40 gramas de fermento de padeiro

150 gramas de açucar
 ovos que baste
1 colher (das de café ) de canela
1 colher ( das de chá ) de raspa de limão
sal
leite              

                                                                                                       "Feito num forno a lenha"



Preparação

Numa tigela dissolva o fermento em um pouco de leite morno e com 200 gramas de farinha faça uma massa e deixe levedar.

Entretanto num alguidar vá misturando a restante farinha com 4 ou 6 ovos, açúcar e um poco de leite, amasse ate obter uma massa leve e enfolada, de seguida acrescente a raspa do limão, a canela e a margarina, tempere de sal, continue amassando até ganhar corpo, por fim junta-lhe a massa de fermento que esteve a levedar, continue amassando até a massa se desprender das mãos e do alguidar. De seguida cubra com um pano e deixe levedar por 6 haras ( aproximadamente ) em local quente. Decorrido este tempo devida a massa em bolas e achate-as dando-lhe uma forma redonda por cima ponha ovos cozidos ( dois ou mais conforme o tamanho do folar ) e cubra com tiras feitas de massa pincele com gema de ovo e ponha o folar em cima de um tabuleiro enfarinhado, deixe descaçar mais  30 minutos, ( se fosse num forno a lenha ponha-se em cima de folhas de couve, como se fazia antigamente ) vai ao forno pre-aquecido 140/180 graus entre 30 a 40 minutos.

Nota: 
A quantidade de leite é só o suficiente para dissolver o fermento.
A pessoas que colocam o dobro do açúcar ou até 500 gramas por quilo de farinha, eu prefiro meio doce.
Normalmente os ovos vão de 8 a 10 por quilo.
Pessoas mais antigas fazia o sinal da cruz 3 vezes em cima da massa quando ia para levedar.



Bom Apetite

Pão caseiro


Já que estamos com a mão na massa vamos fazer pão, e muito simples basta seguir a receita anterior. Não e igual ao de forno a lenha mas fica bom.
Ingredientes

500 gramas de farinha de trigo

80 gramas de margarina

20 gramas de fermento de podeiro

sal


Preparação

Depois da massa preparada (Receita anterior ), em vez de dividir a massa e por o chouriço, monte uma bola e de um golpe com a faca. Vai ao forno pre aquecido a 180 graus durante 30 minutos aproximadamente. Querendo pode passar um pouco de gema de ovo por cima, da um melhor aspecto.

Bom Apetite

Pão com chouriço


Antigamente por estas alturas la por terras da Gafanha se ascendia muito o o forno ( de lenha ) para fazer pão e daqui duas semanas os folares da Pascoa, hoje em dia já não e assim. Mas enfim é a vida e os tempos mudam, mas mesmo assim podemos reviver algo do passado e hoje vos trago uns pãezinhos com chouriço.


Ingredientes

500 gramas de farinha de trigo

20 gramas de fermento de padeiro (+ ou - )

80 gramas de margarina

sal

chouriço ou chourição ( que baste )


preparação

Numa tigela ou alguidar ponha o fermento com um pouco de farinha em um pouco de água morna alguns minuto ate levedar. depois de levedar tempere de sal e junte a restante farinha ( se necessário acrescente mais um pouco de água ) e margarina derretida amasse tudo ate obter uma massa leve e enfolada, deixe repousarem lugar quente e coberto com um pano entre 3 a 5 horas para levedar. Passado esse tempo devida em quatro partes, e cada uma delas estenda com as palmas da mão, ponha ai o chouriço e enrole a massa fazendo uns pãezinhos ao comprido. de seguida ponha em um tabuleiro enfarinhado, de uns pequenos golpes com uma faca e vai ao forno a 180 graus durante 30 minutos ( + ou - ). Quentes são uma delicia.


Bom Apetite

sábado, 13 de março de 2010

Ratatouille


Estava eu aqui com a Maria a ver o filme na qual este prato tem um certo destaque, ai começou a minha curiosidade, e como o meu trabalho e entregar produtos em vários hotéis comecei a pesquisar com os cozinheiros destes de como se faz. Assim fiquei a saber um pouco deste prato que tem origem na cidade de Nice possivelmente no século XIII. Um prato muito simples a base de legumes ( pois nessa altura era o alimento que os camponeses mais tinham), que no século XVIII se fazia muito, mais propriamente em Provence ( França ) e com influências Italianas e Espanholas. O nome significa "picar" ou "triturar", vendo bem as coisas trata-se de um "salteado de legumes". Em francês "Ratatouille" ( substantivo em feminino ), trata-se de uma especie de sopa de carne ou peixe picados com legumes cozidos muito lentamente em azeite. Assim sendo obtive esta receita que tanto pode ser feita numa panela ao lume ou numa travessa ao forno, claro que ao forno e mais vip, mas ao lume o seu sabor fica mais ente-ficado e é o mais parecido com a receita original. Visto isso tudo obtive a receita que não podem faltar berinjelas e tomates ( ingredientes obrigatórios ) o resto dos legumes se pode alterar, conforme o gosto. Resolvi fazer e aqui esta resultado.

Ingredientes

1 beringela grande ( deixe durante 1 hora cortada em sal grosso para largar a àgua )

2 curgete

3 tomates

2 cebolas medias

1 pimento vermelho

2 dentes de alho

1 pacotinho de ervas de Provence

salsa

sal

pimenta

azeite

Preparação ao lume

Numa sertã bem grande com azeite em lume fraco ponha a cebola e o alho picados até a cebola ficar translucida, acrescente as ervas e a salsa picada e mexa, acrescente os legumes todos cortados (curgetes as rodelas, pimentos as tiras e a berinjelas "lavadas do sal" as rodelas ou aos cubos ), tempere de sal e pimenta e vá mexendo sempre ate cozer por ultimo acrescente os tomates aos cubos e refogue mais 10 minutos. Sirva bem quente como acompanhamento ( carne ou peixe ) ou simples.

Preparaçao no forno

Depois de alourar a cebola e os alhos ponha numa travessa de ir ao forno por cima ponha os tomates as rodelas e logo os legumes ( as rodelas ) intercalados em escadinha, por cima tempere com as ervas, salsa picada,sal e pimenta. Regue com azeite e cubra com papel alumínio, vai ao forno lento ate cozer.

Bom Apetite

Filhoses de água


Quem ainda não comeu filhoses de água ?
Estava eu aqui no domingo passado quando minha filha Maria disse "Pai o que é a merenda"
Eu respondi rapidamente sem pensar "Filhoses de água"
E agora que vou fazer, bem la fui eu para a cozinha e mãos a obra..

Ingredientes
400 gramas de farinha de trigo
1 colher( de chá) de fermento royal
1 pitada de sal
4 colheres (de sopa) de açucar
canela
àgua

Preparação
Numa tigela ponho a farinha com o fermento, açúcar e o sal, misture tudo acrescentar água ate obter uma massa branda e mascai. Fritar e por a secar em papel pardo, por num prato polvilhar com canela e açúcar e já esta.

Bom Apetite

Massa para Pizza


Eu sei que é mais fácil ir ao supermercado e comprar a massa já feita, ou até a pizza já preparada pre-congelada. Mas aventurem-se a fazer em casa, verão que é diferente, a parte que podes confeccionar da maneira que quiseres, como quiseres, Enfim vai ficar ao teu gosto.

Ingredientes

12 gramas de fermento de padeiro

200 gramas de farinha de trigo

60 gramas de margarina

4 colheres (de sopa) de leite

1/2 colher (de café) de sal

2 colheres (de sopa) de azeite

1 ovo

Preparação da massa
Desfaz-se o fermento no leite morno, junta-se-lhe um pouco de farinha e deixe levedar.
Entretanto mistura-se o ovo batido ao azeite e a margarina ( derretida ).Numa tigela peneira-se a farinha e o sal, dispõe-se em monte com um buraco ao centro e ai deita-se a mistura do ovo mais o fermento levedado. Mistura-se tudo rapidamente com a mão, se for necessário ponha um pouco mais de farinha, para se obter uma massa elástica que se despega da tigela. Amassa-se bem sobre a mesa enfarinhada, rola-se em bola e ponha na tigela, cobre-se e deixa-se levedar em local quente até dobrar de volume. Amassa-se novamente antes de estender com o rolo, tentando deixar sempre redonda,ponha num tabuleiro com manteiga e enfarinhado,por cima ponha o molho de tomate e confeccionar a gosto ( não esquecer do queijo ), vai oa forno já aquecido 180 graus 10 a 15 minutos.

Prepara cão do molho de tomate
Numa sertã ponha um dente de alho, meia cebola pequena e salsinha bem picadinha em azeite a alourar, tempere de sal, acrescente 100 ml de masas de tomate, deixar apurar.

Bom Apetite


domingo, 7 de março de 2010

Bacalhau com Migas de Broa à Zezão


Quando estava em Portugal, o meu trabalho permitia que viaja-se muito por muitas localidades, e foi no norte de Portugal que comi os melhores pratos de migas de broa com bacalhau, mais propriamente em Monção. Baseado naquilo que provei e com os meus conhecimentos resolvi criar o meu bacalhau com migas de broa. Podem crer que não fica nada atras de muitos outros que a por ai.

Ingredientes

200 gramas de broa de milho

4 postas de lombo de bacalhau demolhadas

1 chuoriço medio caseiro

1 penca de bróculos

1 cebola media

3 dentes de alho

8 batatas brancas medias

azeite

sal grsso

pimenta

Preparação
Num tacho coza as batatas com a pele e bastante sal grosso, quando estiver cozidas escorra e reserve as batatas sem as cobrir. A seguir ponha água nova a ferver com uma boa pitada de pimenta, escaldar ai as postas de bacalhau entre 2 a 3 minutos retire e enxugue. Na mesma água ponha a escaldar os brócolos, não os deixe cozer.( utilizar só as pontas dos brócolos, em pequenas pencas ) Numa travessa de ir ao forno ponha a cebola e um dente de alho as rodelas finas, por cima as postas de bacalhau coma pele viradas para baixo, de um murro nas batatas e ponha a volta do bacalhau, regue com azeite e vai assar em forno médio 1/2 hora. Entretanto numa pela grande ponha os outros dois alhos esmagados em bastante azeite, quando começar a alourar deite o chouriço cortado as rodelas e os brócolos meio cozidos, refogue bem e no fim junte a broa em migas, misture tudo e ponha por cimado bacalhau ja assado vai ao forno para alourar. ( possivelmente não sera necessário temperar de sal, pois o bacalhau demolhado já estará bom de sal )
Bom Apetite

sábado, 6 de março de 2010

Bacalhau tipo a Gomes de Sá


Esta receita aprendi com a minha mãe, fazíamos la em casa para usar as batatas cozidas com a pele que sobrava de outro dia. Claro que a receita não era dela, pois esta receita e das mais famosas em Portugal, principalmente no norte. ( Porto ). Criado por um antigo vendedor de bacalhau "José Luis de gomes de sá Junior", muitas vezes confundido com o bacalhau a espanhola. Mas digo-vos uma coisa este prato não tem nada a ver com os espanhóis pois é bem português, alias para mim e um prato que mostra bem o que é ser português.

Ingredientes

500 gramas de bacalhau

1 kg de batatas ( que não sejam farinhentas )

2 cebolas medias

2 ovos cozidos

1 golpada de azeite

sal grosso

pimenta

salsa

azeitnas pretas

Preparação

Cozem-se as batatas com a pele, em água temperada de bastante sal, depois de cozidas escorre-se a água e deixe esfriar.
Depois do bacalhau bem demolhado, de-lhe uma fervura e retire todas as peles e as espinhas. Deita-se num tacho o azeite com as cebolas às rodelas e leva-se ao lume alourar levemente, junta-se então o bacalhau em lascas pequenas e deixa-se apurar bem. Juntamente com as batata frias despelam-se e cortam aos quadradinhos médios e mistura-se ao bacalhau, deixando apurar mais um pouco, verificam-se os temperos acrescentado ai a pimenta a gosto. Serve-se polvilhado com os ovos e salsa bem picadinho e guarnecido com azeitonas pretas.

Bom Apetite

Bacalhau com natas


Um prato outrora muito requisitado em casamentos ou em festas, poucos o faziam em casa. Hoje em dia toda a dona de casa o faz, umas de uma maneira outras de outra. Esta e a minha maneira.

Ingredientes

500 gramas de bacalhau

4 cebolas medias

1 golpada de azeite

1 kg de batatas

2 colher ( de sopa) de margarina

2 colher ( de sopa) de farinha maizena

2 colher ( de sopa) de pão ralado

2 gemas

2 pacotes de natas ( 200ml cada )

leite

sal

pimenta

Preparação

Depois do bacalhau bem demolhado, coza alguns minutos. Limpe-o das peles e as espinhas e reserve alguma água de o cozer. Numa Panela grande corte as cebolas as rodelas e refogue-as com o azeite, junte o bacalhau as lascas e envolva na cebolada, tempere de pimenta e aguarde. Descasque as batatas e corte aos cubos e frite em óleo, reserve. A parte derreta a margarina e povilhal com a farinha e cozinhe, regue com um pouco da água cuada de cozer o bacalhau e acrescente um pouco de leite, tempere de sal e apure, e deixe esfriar um pouco. Fora do lume misture com as gemas batidas, o pão ralado e as natas batidas. Numa travessa de ir ao forno, disponha em camadas, 1º de batatas, depois o bacalhau com a cebola e por cima a mistura de natas, leve ao forno a secar um pouco e a dourar.

Bom Apetite

Caras de bacalhau


Aqui esta um prato muito feito nas Gafanhas, talvez os mais novos não apreciem, mas digo que e um dos pratos mais cobiçados, principalmente para quem gosta de um comer de azeite.

Ingredientes

caras de bacalhau salgadas

batatas

couve

ovos

alhos

azeite

Preparação

Demolhe as caras e reserve. ( devem ficar um pouco salgadas para poder temperar o comer ) Num tacho ponha as batatas descascadas e cortadas ao meio a cozer, ao meio da cozedura junte as couves já lavadas e por cima as caras.( querendo pode por os ovos a cozer com a casca junto ou em separado num outo tacho) Quando estiver cozido escorra e deite para uma travessa de servir a volta ponha os ovos descascados e cortado ao meio, corte os alhos em rodelas bem finas e regue com bastante azeite.

Bom Apetite

terça-feira, 2 de março de 2010

Batatas fritas com ovo


Bem acho que não e preciso dizer mais nada, basta olhar para foto. E quem não gosta de umas batatinhas fritas com ovos, uma pequena dica em vês de temperar depois de fritas, deixe uns minutos em água temperada com sal, e os ovos tempere com sal grosso.
Eu prefiro com um pouco de ketchup.

Bom Apetite

Comunista no forno


Na minha terra la para os lados de Portugal " Gafanha do Carmo", chamamos comunista ao peixe vermelho ou seja ao Red-fixe. esta receita e da Ti Maria Bernada.

Ingredientes
4 postas de peixe Red-fixe
1 kg de batatas
1 cebola
3 dentes de alho
4 fatias de presunto
2 tomates bem maduros
1 copo de vinho branco
2 folhas de louro
sal
tabasco
azeite

Preparação
Depois do peixe limpo e escamado, faças um ou dois cortes e ponha ai o presunto, coloque o peixe no centro de um tabuleiro de ir ao forno. corte e ponha por cima o alho as rodelas,a cebola as meias luas,os tomates picado e o louro sem fio, tempere de sal e tabasco. Descasque as batatas e corte as meias luas e ponha a volta do peixe, regue com azeite e vinho, vai ao forno a 200ª graus durante mais ou menos 1 hora e meia. Retire e esta pronto a servir.


Bom Apetite

Pescada frita com Arroz/Feijão


Sei que os fritos fazem mal, mas sabem bem. O que voz proponho para hoje e muito fácil de fazer, e pode ser que faça reviver algo do passado. Claro que se foce Pescadinha com rabo na boca, mas como não ha usamos uma pescada media.


Ingredientes
1/2 duzia de pescadas
1/4 de kg de arroz
1 frasco de feijão encarnado (pré-cozido + ou - 400 gramas)
1 tomate maduro
3 dentes de alho
1 cebola pequena
1 copo de vinho branco
farinha de trigo
sal
pimenta
azeite

Preparação
Depois da pescada limpa tempere com sal, pimenta e alho picado. Passado 1/2 hora pasce na farinha de trigo e frite em azeite bem quente, reserve.
Faça um arroz branco seguindo a receita ( dia 22 de Janeiro 2010), reserve. Num tacho ponho azeite a cebola picada com o alho e o tomate,(querendo pode por umas rodelas de chouriço) quando a cebola ficar translucida acrescente o vinho e refogue veja se esta bom de sal. Ponha feijão mais 1/2 frasco de água e deixe ferver, misture com o arroz e apague o lume( tem que ficar meio malandrinho) e sirva com a pescada enfeitado com limão.


Bom Apetite