Traductor

sábado, 10 de outubro de 2015

Bochecha de ibérico no forno

A bochecha do porco, em catalã “galtes” e em castelhano “carrillera” ou “carrillada” é uma peça de carne suína ou bovina (por vezes mesmo boi) a partir de músculos correspondente às partes gordas que estão localizados em ambos os lados da face do animal. Considerado como carne de terceira categoria, estas partes carnudas (no caso da carne de porco) de cada lado do focinho (nariz), são peças muito gelatinosas de carne que são equivalentes aos músculos mastigatórios, sendo muito tenros e suculentos depois de preparadas. Um prato muito comum em toda a Espanha, principalmente de porco ibérico, por ser uma carne muito gelatinosa, permite que sejam grelhadas, assadas em forno ou cozidas, como acompanhamento usa-se vários legumes ou feijões.

Ingredientes
4 bochechas de porco ibérico
600 gramas de batatas
4 dentes de alho
1 copo de vinho branco
Uma colher (das de sopa) coentros secos
Flor de sal quanto baste
Azeite quanto baste
Conjunto de 4 pimentas (moída na hora)


Preparação
Caso não encontre  bochechas de porco ibérico, pode utilizar as de porco normal. 
Tempere as bochechas com flor de sal, os alhos picados, as pimentas e o copo de vinho branco, deixe marinar umas 2 horas. Num tabuleiro de ir ao forno disponha as bochechas ao centro com o suco da marinada, cubra com papel alumínio e leve ao forno preaquecido a 200 graus durante uns 20 minutos. Entretanto descasque as batatas e lave-as, corte-as em troços. Retire o tabuleiro e coloque as batatas a volta das bochechas, regue com um bom fio de azeite e salpique por cima com os coentros. Volta ao forno (reduzido para 180ª) sem estar tapado com o alumínio mais uns 30 minutos ou até as batatas estarem assadas. Sirva uma bochecha por pessoa com batatas.


Bom Apetite

Sem comentários:

Enviar um comentário