Traductor

sábado, 19 de agosto de 2017

Férias



Pois é pessoal esta é aquela fase em que a gente tem que desligar de tudo e esticar as peles, e para isso nada melhor que umas férias.

Aproveito para lembrar que este blog não publica comentários anônimos por uma questão de princípios, pois acho que todos devemos ser responsáveis pelo que dizemos. Tenho pena pois tenho recebido muitos comentários e deles muito positivo. Quando comentar preocupe-se em identificar-se.



Um grande abraço e boas férias para quem vai.



Bom Apetite

sábado, 12 de agosto de 2017

Vazio de boi com batatas Ratte

Lembram-se da publicação de Costela de boi no forno na qual falamos da Ponta de agulha e os seus cortes. Pois hoje vamos utilizar um desses cortes conhecido com o nome de Vazio, que além de dar uns bons bifes pode ter outras utilizações. Simples e fácil de fazer acompanhado com umas batatas ratte, uma batata com um sabor muito peculiar.
Conhecida também com o nome de fingerling (finger=dedo), asparges e possivelmente até receba outros nomes, dependendo do país. Esta batata originaria da França e da Dinamarca desde do século XIX é das batatas mais apreciados pelos grandes chefes de cozinha e dos franceses e dinamarqueses obviamente. 
Devido as suas características é considerada uma batata de alta cozinha. De pele fine, mais alongada e ligeiramente curva, pouco mais grossa que um dedo e mais amarelas por dentro que as batatas normais, com um ligeiro sabor a avelãs e nozes, um rico sabor a frutos secos. Ideal para fazer cozida com casca, assada ou grelhada, uma batata que não necessita muito tempero para ser deliciosa, por exemplo, um pouco de manteiga ou azeite, sal e pimenta já oferece uma textura consistente, cremosa, densa e úmida. 
Possivelmente já terá visto a batata ratte em algum mercado, mas a sua aparência ou seu alto preço não será dos mais convidativos a comprar, coisa que aconselho a comprar e experimentar, pois só assim poderá desfrutar de uma batata de excelentes características de um processamento simples e muito saborosa. 


Ingredientes
600/700 gramas de vazio de boi em uma única peça
12 batatas ratte
8 fatias de bacon
4 dentes de alho
50 gramas de manteiga
Sal groso marinho
Pimenta a gosto

Preparação
Temperar a peça de carne com sal e pimenta a gosto, em uma sertã antiaderente grande (onde caiba a peça de carne) com os alhos ligeiramente pisados, doure a carne de todos os lados. Transfira a carne para um travessa de ir ao forno e leve-a ao forno pré-aquecido 50º/70º para cozer lentamente (não deixar passar dos 50 graus no interior da carne). Entretanto na mesma sertã ainda com os alhos derreta a manteiga e salte-e as batatas pré-lavadas e cortadas ao meio e ao comprido juntamente com o bacon. Retire carne do forno e deixe repousar um pouco, corte e 4 e sirva racionado com as batatas e o bacon.

Bom Apetite

sábado, 5 de agosto de 2017

Spaghettis à siciliano

Para muitos a melhor cozinha e a francesa, coisa que não é certa e este prato assim o prova. Alhos, uma malagueta, alguns brócolis e um pouco de azeite fazem um delicioso tempero para uns espaguetes al dente. Por isso a cozinha Italiana e a melhor cozinha do mundo, com mais de 150 tipos de massas, pizzas, risotos, etc., com os seus temperos simples e toscos, seus cozinhados de longa duração, receitas com tradição de avós ou bisavós. Além disso é a cozinha mais imitado em todo o mundo e considerada por muitos expertos em culinária a melhor, uma das mais completas. Estes espaguetes tradicionais da região de Sicilia e a prova desta gastronomia simples rica e saborosa, como sé diz por ai Cosa di mamma.

Ingredientes
400 gramas de espaguetes de farelo de trigo duro
4 dentes de alhos
1 malagueta
400 gramas de brócolis
Sal grosso marinho
Azeite virgem extra
Um pouco de água
Sumo de limão a gosto


preparação
Por uma panela grande ao lume com muita água e temperada de sal, quando levantar fervura adicione os espaguetes e cosa de 7 a 9 minutos para ficar ao dente. Entretanto numa sertã grande com um pouco de azeite em lume médio saltei uns 2 minutos os dentes de alhos bem laminados e a malagueta cortada (sé quiser um pouco menos picante coloque a malagueta inteira) com uma pitada de sal, adicione os brócolis (só as pontas verdes, ou seja os pezinhos pequenos) bem lavados com um pouco de água, tape e deixe cozer uns 3 minutos ao vapor, apague o lume e esprema um pouco de sumo de limão. Escorrer os espaguetes e colocar diretamente na sertã, misturar bem com o molho e verificar o tempero de sal, sirva de imediato.


Bom Apetite