Traductor

quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

Molotoff

Aqui esta mais um doce tipicamente português, que gasta claras e não leva gema alguma, eis a solução para aproveitar as claras: um Pudim de Claras, uma maneira de aproveitar as claras, pois a maioria dos doces só utiliza as gemas.  Chama-se Molotoff, existem várias versões de Molotoffs, assim como várias versões para a cobertura. Vou dar a versão tradicional do Molotoff. Mas que fique bem claro que para fazer um Molotoff  há que ter muita paciência, diria mesmo perseverança pois raramente o primeiro sai com bom aspecto. Isto é, não sendo batido na medida certa e no tempo exato pode transforma-se numa "bolacha" depois de cozido.  Fazê-lo com perfeição é quase uma arte (ou sorte). Alguns  podem murchar e desaparecer no fundo da fôrma, ou partir ao ser desenformado. Mas nada de mal pois assim mesmo é comestível, só não fica com aquele aspecto que até os olhos comem.
Para esse problema (virar bolacha) vou deixar aqui um segredo, acrescentar uma colherzinha de farinha maisena, para ajudar na consistência do molotoff. Então, aqui vai a receita de hoje, e muita sorte na tentativa de fazer seu Molotoff.

Ingredientes

10 claras (podem usar as que quiserem, quanto mais usar maior tem que ser a forma)
10 colheres rasas (de sopa) de açúcar ( 1 colher de açucar por cada clara)
1 colher (de café) de farinha maisena
Caramelo liquido que baste

Preparação
Ligar o forno a pré-aquecer (180º) durante 10 min. com um tabuleiro com água.
Numa taça grande batem-se as claras em castelo bem firme ( 10 minutos + ou- ) , sem parar de bater e sem parar de andar com a maquina a roda, coloca-se as colheres  de açúcar (uma a uma) e farinha maisena.
Ainda sempre a bater com a máquina, coloca-se  um pouco de caramelo  líquido, ter  o cuidado de incorporar bem para fique  com uma cor acastanhada por igual. Só no fim disto tudo é que se para de bater, passa-se o  creme de claras para uma forma de buraco alta já bem untada com caramelo ( este caramelo servira depois para cobertura) e leva-se ao forno dentro do tabuleiro com a água (banho Maria).
Vai a cozer  entre 10 a 15 minutos  ou até ficar bem dourado por cima (dependendo do tipo de forno), desligando-se o forno e abrindo a porta ligeiramente da parte de cima, deixando repousar um pouco o Molotoff (10 minutos), retira-se do fornoe deixe arrefecer. Depois de frio desenforma-se o Molotoff para um prato  grande com um certo cuidado e leve ao frigorífico para refrescar. Caso queira uma cobertura de doce de ovos unte a forma com manteiga e farinha em vez de caramelo, adicionando o doce só depois de bem frio.

Bom Apetite

Sem comentários:

Enviar um comentário